abril 14, 2013

Dominguinhos


No seu coma induzido
O querido Dominguinhos
Deitado, passa os seus dias
Só recebendo carinhos
Ele, em espírito aturdido
Sente-se preso e sofrido
Com o desvio de caminho!

Às vezes escuta as pessoas
Com elas deseja falar
Mas o seu corpo doente
Impede-o manifestar
O canto lindo da alma
Que encanta e nos acalma
Vê-se forçado a calar!

Espero que Deus o ajude
E deixe-o voltar até nós
Olhando pra sua vida
Enxergue apenas os prós
Voltar pra cantar bonitinho
Com todo amor e carinho
Para nós que estamos sós!



2 comentários:

✿ chica disse...

Linda homenagem!Maravilhoso ele! beijos,ótima semana,chica

Anne Lieri disse...

Soninha,que comovente homenagem ao Dominguinhos!Que coisa mais triste esse momento que ele está passando!Ficaram maravilhosos seus versos!bjs e boa semana!