junho 01, 2011

Silêncio da Madrugada



Silêncio da Madrugada

Quando tudo está quieto
E a cidade está dormindo
Eu escuto no silêncio
Mui versos, sobressaindo
São versos tão delicados
Co'o amor foram grafados
Na névoa qu'está surgindo.

Vão seguindo pela estrada
Pelo mundo, s'espraiando
Deles, brota uma canção
Qu'a todos, vai encantando
Segue até o meu amado
Carregando o meu recado
Que eu estou lh'esperando

Com ele, sigo sonhando!

bjs,soninha

Um comentário:

✿ chica disse...

Versinhos??? Poesia linda!!! beijos,chica